Saturday, March 28, 2009

Canadá - Terra da Vida Fácil e $ sem limites - parte 1

Já quea Lucia, do http://www.lucia-inthesky.blogspot.com mensionou algumas coisinhas sobre meus trabalhos no Canadá, achei que posso escrever, e muito, inúmeras histórias a respeito deles.
Também serve de recado pra quem leva meu título a sério. Quando estive no Brasil, muita gente queria que eu arranjasse emprego pra eles, "ainda que como lixeiro"... Outros amigos brasileiros receberam várias ligações do Brasil, de estranhos, com o mesmo pedido.
Quer ser lixeiro no Canadá? Tá achando que vai começar por cima? Tá achando que a vida aqui é fácil?
Continue a leitura!

Ainda no Brasil, cursando Administração, fiquei 1 ano e meio desempregado (passando vergonha de ainda ser sustentado pelos pais). Tentei de tudo. Mandava vários currículos. Era chamado pra entrevistas pra ouvir que não consegui a vaga por não ter experiência (Antas! Pra que chamar pra entrevista pra descobrir que eu não tinha experiência? Não podiam ler meu currículo???).
Tentei de tudo. Agência de empregos... Tabalhar como repositor no Pão de Açucar... Também rejeitado nesses, mas por ser overqualified. Nunca fiquei tanto tempo no meio termo. Descobri que o melhor lugar pra ficar num tiroteio é no centro do alvo – lá dificilmente acertam.

Bem, finalmente consegui um estágio na Secretaria Estadual do Meio-Ambiente e Recrsos Hídricos do Paraná, onde fui demitido em 1 mês por me recusar a mentir pra salvar a pele do chefe. Ele me disse que, enquanto eu precisava dos meus princípios, ele precisava do emprego.

Bem, um mês mais tarde terminei o curso, com tudo que é parente buzinando o meu ouvido pra vir pro Canadá, onde tem emprego. 1 mês após a colação de grau, aqui estava eu, iniciando mais uma etapa de aventuras, sangue, suor e lágrimas (todos literais).

Bem, este post vai ficar longo, então, vou contar um pouco em linhas gerais, e mais tarde voltar no tempo e contar mais detalhadamente sobre cada um deles.

Cheguei no Canadá no dia 29 de abril de 2005. Dia de festa, de botar o papo em dia com os parentes, sofrer com o “frio” de - 4 graus Celsius, ver um pouquinho de neve...
Próximo dia – dia de correr atrás de documentação pra poder trabalhar, seguro saúde, etc...
Dia 2 de maio – dia de mais preocupação, correria, entrevista pra emprego... Tanta coisa na cabeça, que nem me lembrei... Abro o e-mail, e 3 e-mails de Feliz Aniversário.

Dia 3 de maio – Novo dia, emprego novo.

Sim, eu, bacharel em Administração com habilitação em Finanças iniciei minha carreira de operário em cortume de couro de porco. Este foi, até hoje, o emprego mais sujo e nojento que já tive. Pesado, fedido, e eu fora de forma, sem fôlego, tetando manter o passo com os demais operários.
No próximo dia o patrão ligou dizendo que eu não precisaria aparecer nso próximos dois dias, que o caminhão não chegou e estávamos sem couros pra curtir.

Dia 5 de maio – liguei pra tia pra dar feliz aniversário pra ela e saí pro jogo de futebol, não pra jogar, mas pra assistir. Meu irmão achou uma bola na beira do campo e um canadense criado no Brasil. A brincadeira começou. Resultado: 7 semanas no gesso, 11 meses mancando, volta ao Brasil pra cirurgia, início da minha vida de caminhoneiro.

Ao ficar em casa, "quietinho, me comportando muito bem" (vide fotos de minhas escaladas com gesso), ouvi sobre a falta de caminhoneiros. Peguei um empréstimo e fiz meu curso (54 horas dirigindo e umas 80 de cursos teóricos) assim que tirei o gesso.
O texto já está longo.
Contino mais tarde, senão ninguém vai ler até o fim.
Captain Forr

Wednesday, March 25, 2009

SOLO - FOTOS, VIDEOS & SELINHOS

Como estou atrasado, ao invés de começar com o vôo solo em si, começo com os selinhos.
Estão disponíveis a qualquer um que visitar meu blog.
Vcs podem escolher um ou outro, ou, melhor ainda, pegar os dois. São gratuitos. Este primeiro, porém, só terá validade pra quem comentar!
Quanto mais pessoas pegarem os selinhos, maior será o meu prazer neles!

Captain Forr



Após muito investimento financeiro, treino, cancelamentos e reclamações do irmão e cunhada, que eram arrastados até o aeroporto pra não me ver solar, no dia 23/03/2009 o vôo solo finalmente saiu.

Primeiro taxi solo - Taxiway A até a pista 34
A seguir, remake do filme Estes Homens Maravilhosos e Suas Máquinas Voadoras.
O orçamento estava apertado, portanto, o projeto foi alterado. O nome do filme remake é
ESTE HOMEM MARAVILHOSO E SUA MÁQUINA VOADORA.

Decolagem

Aterrissagem

Este foi, até o momento, meu melhor pouso! Super macio! Beijinho na pista! Ainda bem que meu irmão filmou.

Checagens pós-vôo/pré-abandono da aeronave


Primeiro vôo solo - Prova documental


Batismo - Meu primeiro banho em público.


Ryan, meu instrutor principal


No vídeo vcs podem ouvir a voz da minha cunhada dizendo que estava frio demais pra banho frio... Que nada! Só 2 graus Celsius negativos.



Aquilo que não podia faltar - muito carinho!

Aeronave - Cessna 172 N, matrícula C-GYTU (Charlie - Golf Yankee Tango Uniform)

Muito obrigado a todos que torceram por mim! Por favor não deixem de me acompanhar. Ainda me falta muito chão pela frente (ou melhor, ar pela frente) até conseguir minha licença, e ainda umas 170 horas de vôo até conseguir a licença comercial.

Devido ao preço, acho que vou levar uns 2 anos ainda (embora eu pudesse ter a licença comercial em 6 meses caso tivesse $ pra isso).

Captain Forr

Wednesday, March 11, 2009

MÚSICA- MITCHELL B 25

Ignorem as vozes... Num concerto, sempre haverá espectadores grosseiros que ficarão conversando e atrapalhando os demais de ouvirem a música.

B 25- A melhor orquestra do mundo.

Captain Forr

Saturday, March 7, 2009

Direito do Consumidor - Fazendo valer seus direitos sem auxílio de advogados

Quem conhece seus direitos como consumidor, pode tranquila e rapidamente lutar por seus direitos com a estratégia correta, e assim, solucionar seus problemas sem o oneroso auxílio de advogados, além da morosidade da justiça, seja brasileira, canadense ou chinesa.
Veja como esta amável e nobilíssima senhora chinesa conseguiu que a companhia aérea Cathay Pacific a colocasse em outro vôo sem cobrança de taxas extras após perder seu vôo.

Hong Kong, 04/02/2009



Sami Aguiar, perdão por tirar seu ganha-pão.
Captain Forr